O TERCEIRO TEMPLO EM JERUSALÉM


Durante a última semana fui abordado por muitos irmãos sobre a suposta profecia da construção do terceiro Templo em Jerusalém e o advento do Anticristo. Ao que parece, o assunto está em voga devido a artigos compartilhados em redes sociais e um presumido sinal divino da novilha que nasceu vermelha (Nm 19), pois alguns judeus declararam: “sem o nascimento de uma novilha vermelha, de nada adiantaria reerguer o templo que já foi construído e destruído duas vezes”. Nesse ínterim, os preparativos envolvem o treinamento de novos sacerdotes (levitas), a elaboração das medidas do templo e a manufatura dos objetos que serão ali utilizados, dentre outros.

COMEMORAR É RECORDAR


A Primeira Igreja Presbiteriana de Resplendor completou noventa e quatro anos de organização no último dia 02/07/1921. Em virtude disso, ontem e hoje, comemoramos. Ah, como é bom comemorar! Festas e celebrações são repletas de alegria e regozijo. Igualmente, uma comemoração precisa estar acompanhada de lembrança, do trazer à memória, da recordação. Por isso, comemorar é recordar. Nessa pastoral, conclamo meus queridos irmãos (as) a recordarem os poderosos feitos de Deus sobre o seu povo, sua obra, sua Igreja.